Logo

9618 - Ocupações e Renda das Mulheres e Homens no Rural do Estado do Paraná, Brasil: uma perspectiva de gênero

O artigo pretende examinar as ocupações e renda de mulheres e homens de famílias rurais no estado do Paraná, Brasil, no período 2001 a 2008, a partir da perspectiva de gênero. O meio rural brasileiro nas últimas duas décadas apresenta um cenário de mudanças de ocupação rural e, ainda, existe uma persistente migração rural-urbano, sendo que a mesma tem sido mais intensa para jovens do sexo feminino, gerando relativa masculinização e envelhecimento da população do campo. Há evidências que este desequilíbrio demográfico está associado à forte presença da relação patriarcal no rural brasileiro. Serão utilizados os micros dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio do Instituto Brasileira de Geografia e Estatística para construir tabelas com o número de famílias, de homens e mulheres, assim como, fonte de renda de mulheres e homens para o estado do Paraná. Os dados serão analisados em relação aos vários tipos de famílias (agrícola, pluriativa e não-agrícola) segundo a posição na ocupação (empregador, conta-própria e empregado). O comportamento destas variáveis permite formar um cenário panorâmico do rural paranaense, e a partir da literatura fazer uma discussão sob a perspectiva gênero.

Palabras claves: gênero, desenvolvimento rural, ocupações rurais

Autores: Ramundo Staduto, Jefferson Andronio (Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE, Brazil / Brasilien)
Co-Autores: de Souza, Marcelino (Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS, Porto Alegre, Brazil / Brasilien); Nascimento, Carlos Alves (Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, Brazil / Brasilien)

atrás

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575