Logo

7140 - Titulo: Uma longa história das mulheres no poder: o caso de Alzira Vargas do Amaral Peixoto, a ¿segunda consciência¿ de Getúlio Vargas, Presidente do Brasil ( 1935-1954).

Em nenhuma outra época da história política, tantas mulheres chegaram à condição de chefes de Estado e de Governo como nos dias que correm. Esta comunicação examina, porém, a experiência de Alzira Vargas do Amaral Peixoto, filha do Presidente Vargas, sua principal conselheira (1935-1954), reconhecida por ele como sua “segunda consciência”. Toma-a como um indício de que, em vários tempos e lugares, sob intercâmbios, lutas e conquistas, Alzira e muitas outras mulheres fazem movimentos de muitas chegadas ao espaço público. Nessa experiência singular, é possível evidenciar uma mímesis politica que se espraia, expondo processos políticos e culturais pouco estudados. O protagonismo de Alzira se faz com essa matéria e, como tantas outras mulheres, ela transita pelo poder e o exerce. Com ele, age sobre esse espaço e sobre os rumos do governo do país, alargando caminhos de participação política das mulheres que chegam aos dias atuais.

Palavras-chaves: GLOBALIZACIÓN, GÉNERO, CULTURA E MIMESIS POLÍTICA.

Autores: Suely Gomes, COSTA, (Universidade Federal Fluminense, Brazil / Brasilien)

atrás

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575