Logo

3264 - Ziembinski and Kusnet artistic bridges between Brazil and Europe

The main goal of this proposal is to stablish the relationship between the works of two important Brazilian immigrants, the polish Ziembinski and the Russian Eugênio Kusnet, and their links with the European tradition of performance.

Zbigniew Marian Ziembinski (Wieliczka, Polônia 1908 - Rio de Janeiro RJ 1978), hoje totalmente desconhecido na Polônia, é considerado o primeiro encenador brasileiro. Seu espetáculo Vestido de Noiva , de Nelson Rodrigues , encenado pelo grupo Os Comediantes , em 1943, marca o início do que se considera o Teatro Brasileiro Moderno. Por outro lado, Eugênio Kusnet (Eugênio Chamanski Kuznetsov – Rússia 1898 - São Paulo SP 1975), se tornará o mais destacado ator de formação stanislavskiana no teatro brasileiro, criador de papéis marcantes e emérito professor de interpretação de uma importante geração de atores e atrizes brasileiross entre os anos 1960 e 1970. Nascido na região dos Balcãs, emigra para Moscou onde se forma num dos Estúdios ligados a Constantin Stanislavski. Trabalha posteriormente no teatro profissional dos chamados países bálticos. Emigra para o Brasil em 1926, onde inicialmente ocupa-se do comércio, mas em 1951, atendendo um convite de seu colega Ziembinski, inicia sua longa e frutífera carreira artística brasileira, participando do elenco de Paiol Velho , de Abílio Pereira de Almeida , no Teatro Brasileiro de Comédia – TBC .

Palavras-chaves: Ziembinski, Brazilian Drama, Kusnet

Autores: Camargo, Robson (Universidade Federal de Goiás, Brazil / Brasilien)

atrás

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575