Logo

11228 - O Partido Comunista Chileno e a formulação da via chilena ao socialismo.

Em 1970, Salvador Allende foi eleito presidente do Chile por meio de uma coalizão de partidos de esquerda, a Unidade Popular, para implantar o projeto denominado “via chilena ao socialismo”.Este projeto propunha a transição do regime capitalista para o socialista por meio de reformas profundas no sistema político, econômico e cultural do país, sem revolução armada, mas a partir da conquista do poder executivo e legislativo. Nosso objetivo nesta apresentação é analisar os caminhos percorridos pelo Partido Comunista Chileno na formulação da tese da “via chilena ao socialismo” desde os anos cinqüenta e, relacioná-los com as discussões enfrentadas pela III Internacional Comunista e pelo XX Congresso da União Soviética.O Partido Comunista Chileno elaborou teoricamente uma argumentação para demonstrar que no Chile era possível realizar uma revolução socialista sem a utilização de armas.A expressiva inserção dos comunistas no movimento social, sua larga atuação na vida legislativa do país, a participação no governo de Frente Popular, conjugadas com as interpretações da teoria marxista foram as justificativas fundamentais utilizadas pelo PC. Mas efetivamente, o estabelecimento da coexistência pacífica discutida e aprovada em 1956 no XX Congresso da URSS deu impulso para que o PC chileno elaborasse o lema que julgava representar sua escolha teórica e prática: “nem revisionismo, nem evolucionismo, nem reformismo, nem copias mecânicas”.Ou seja, os comunistas construíram uma argumentação que era possível formular uma via própria, genuinamente chilena, que interpretasse as singularidades do país, e que, portanto, fugisse da adoção de modelos difundidos por Cuba, China e URSS.No entanto, ao mesmo tempo em que o PC apresentava o seu projeto de revolução nacional para o Chile, estava claro que todas as discussões a ele relacionadas estavam intrinsecamente ligadas às estratégias e disputas entre os partidos comunistas, e, sobretudo da polêmica da estratégia da coexistência pacífica.

Keywords: Partido Comunista do Chile, via chilena ao socialismo, Unidade Popular.

Author: Borges, Elisa (nenhuma, Brazil / Brasilien)

Back

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575