Logo

10572 - Crise ou alienação global? Uma contribuição à crítica da Economia Política Internacional.

As soluções apresentadas para a crise estrutural do capital correspondem as suas próprias contradições internas. Uma aporia da Democracia Liberal em que toda forma de governa prenuncia a criação de agentes monopolistas (assimetria Crescimento Econômico/Desenvolvimento Social). Tal paradoxo, abala os alicerces da emancipação social e mantém o sujeito em sua forma contemplativa (mercadoria). O objectivo é elucidar que a lógica da economia mundial persiste sob uma contradição interna: a transformação do dinheiro, de um meio de circulação para um fim em si mesmo, mantendo a sociedade sem consciência de sua própria realidade.

Palabras claves: Alienação ¿ Paradoxo da Modernidade ¿ Estado ¿ Sociedade ¿ Marxismo

Autores: da Silva, Antonio Carlos (Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Portugal / Portugal)

atrás

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575