Logo

6335 - O BRASIL REVISITADO PELO AMERICANISMO FRANCÊS DO INICIO DO SEC. XX: projetos políticos, museologia e internacionalismo científico.

Propomos avaliar a importância dos estudos americanistas e o papel dos pesquisadores franceses na constituição de uma rede de pesquisa internacional no início do séc. XX. Tentaremos entender como se formou este campo disciplinar especializado, centrado nas populações indígenas nas suas singularidades culturais e sociais. A análise dos fundamentos metodológicos na origem das coleções museais pode ser realizada à luz das condições nos quais apareceram as pesquisas empíricas : a coleta e o estudo da cultura material foram privilegiados por serem testemunhos da diversidade das sociedades humanas. Para isto, foram contratados jovens colaboradores encarregados de coletar objetos para o Musée e suprir a ausência de conhecimento sobre as “culturas indígenas da America”.

Palavras-chaves: Americanismo; Historia da ANtropologia; Museus.

Autores: CAVIGNAC, jULIE (UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE, Brazil / Brasilien)

atrás

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575