Logo

4687 - Ensaio sobre os múltiplos territórios das áreas centrais

Nos estudos urbanos é corrente a noção de centro como núcleo inicial do desenvolvimento urbano e concentrador de atividades terciárias, ao redor do qual se agregam outras múltiplas atividades. Esse núcleo original e suas periferias compõem a área central da cidade. No entanto, ela pode ser recortada de outras maneiras. Podemos identificar no seu interior diferentes territórios, sendo o mais conhecido o seu centro histórico, onde a cultura e a história daquela cidade e sua população se materializam sob formas arquitetônicas e urbanísticas. Quando nos referimos a centro urbano, a área central ou a área central de negócios, estamos recortando o espaço urbano a partir de critérios funcionais; quando falamos de centro histórico, estamos começando a recortar a cidade a partir de critérios culturais. Além deste, outros diversos territórios culturais podem ser identificados.

Referir-se ao centro histórico implica em acentuar algumas de suas características mais visíveis, como a diversidade das formas e dos estilos presentes no seu ambiente construído. Alguns outros territórios culturais também podem ser identificados a partir de edificações específicas, como os equipamentos culturais, criados para abrigar práticas culturais e artísticas específicas – ópera, dança, teatro, etc. Outros territórios, não menos importantes, se caracterizam a partir da imaterialidade de suas expressões artísticas e culturais; apesar destas linguagens serem intangíveis, elas também se manifestam em espaços próprios, edificados ou não.

A proposta deste artigo é de apresentar a área central do Rio de Janeiro como palco de investigação sobre seus muitos territórios culturais definidos a partir de culturas materiais ou imateriais, destacando e analisando as suas configurações espaciais e as relações que estabelecem com as linguagens artísticas e culturais que lhes deram origem. O trabalho engloba e entrelaça os enfoques histórico, cultural e arquitetônico-urbanístico.

Palabras claves: Territórios culturais; Configuração espacial; Áreas centrais; Rio de Janeiro

Autores: Lélia, M. de Vasconcellos (Universidade Federal Fluminense, Brazil / Brasilien)
Co-Autores: Fessler Vaz, Lilian (Federal University Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brazil / Brasilien)

atrás

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575