Logo

6239 - Subversões dos usos do espaço urbano: reflexões a partir do discurso sociológico

Proponho uma análise dos discursos sociológicos sobre a cidade de Fortaleza (Brasil), tomando por base as teses e dissertações produzidas no Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal do Ceará, a partir do final dos anos 1990. Busco responder às indagações: quais as prioridades temáticas e os enfoques sociológicos que embasam as construções discursivas sobre a cidade? Quais “cidades” são reveladas a partir destes trabalhos? Na maioria das teses e dissertações analisadas, os autores buscam enfatizar os sentidos de subversão nos usos feitos dos espaços em relação às ordens oficiais e administrativas, tentando compreender como os sujeitos escapam aos controles políticos, incluindo o controle sobre a dimensão do tempo. Pode-se dizer que estes trabalhos produzem uma subversão do olhar sobre os espaços da cidade, buscam, eles próprios, fugir ao senso comum de uma perspectiva mais oficial de significados expressos sobre ele pela mídia ou pelo Estado. A idéia de subversão está presente tanto na interpretação que os autores fazem sobre os sentidos dos usos feitos dos espaços urbanos pelos sujeitos pesquisados, quanto se torna base de suas próprias elaborações discursivas, tidas como subversivas em relação às perspectivas do senso comum (ou da mídia) sobre a cidade. A Ciência Social, para afirmar-se, tradicionalmente é elaborada como oposição ao senso comum e é assim também que se observam as construções discursivas da sociologia aqui analisada, que busca, num certo sentido, re-construir a cidade, para além da visão dominante. Nota-se, no entanto, que não se trata de uma subversão do olhar à maneira marxista, isto é, não se prioriza a perspectiva da dominação de classe social. Embora esta não deixe de estar presente de algum modo, como pano de fundo em alguns trabalhos, sob as rubricas “processos de subjetivação”, “territorialização”, “desterritorialização”, vai aparecer um leque bem mais amplo de olhares relacionados aos sentidos de dominação.

Keywords: sociologia urbana; espaço urbano; cidade; Brasil

Author: Mattos, Geísa (Universidade Federal do Ceará, Brazil / Brasilien)
Co-Author: Barreira, Irlys (Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, Brazil / Brasilien)

Back

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575