Logo

8144 - Intermidialidade na fotografia brasileira: fabulacao e tres regimes de signos.

Este texto discute a intermidialidade na fotografia contemporânea e analisa a obra de três artistas brasileiros (Rosângela Rennó, Eustáquio Neves e Tiago Capute), que trabalham, de formas diferentes, a interface entre fotografia, poesia, música. A relação de troca mútua que se estabeleceu entre a literatura e a fotografia desde o primórdios da primeira imagem técnica e que teve no dadaísmo seu como auge experimental, tem adquirido, hoje, nuances distintas. Para além da noção de que o automatismo do aparelho e a semelhança com o referente caracterizam a fotografia, esta é discutida como ato e espaço de inscrição . Uma breve retomada histórica sobre a intermidialidade que se estabeleceu no campo artístico, no qual a fotografia passa a ser integrada como recurso criativo, mostra como a referencialidade na linguagem fotográfica foi desde cedo problematizada. Especialmente a partir da arte conceitual na década de 60, a fotografia passa a ser mais uma estratégia de fabulação e de ficcionalidade e menos um recurso de descrição. Contra a idéia da fotografia como espelhamento do real, contra a pregnância do referente e a insistência na idéia de realismo, percebe-se a tentativa de vários artistas em assumir deliberadamente estratégias discursivas que abrem a noção de representação clássica e apelam para um tipo de figuração que não se pauta pela noção de semelhança. Nesse movimento de desprendimento da sua camada descritiva, muitas contribuições artísticas abrem a linguagem fotográfica para novas possibilidades estéticas, cujo objetivo seria potencializar o seu poder de fabulação, sua capacidade de criar “novas realidades” e remeter mais ao sentido que ao mundo dos objetos. Assim, a indexicalidade e garantia de que algo existiu, tão discutida na linguagem fotográfica, deixam de ter relevância em muitas obras atuais, que utilizam a fotografia mesclada a outros regimes de signos.

Keywords: Arte, intermidialidade, fotografia brasileira, fabulação, interação de signos.

Author: Florêncio Pape, Isabel (PUC MINAS, Germany / Deutschland)

Back

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575