Logo

8593 - Conflitos, subjetividades e a fruição da experiencia de viver em um bairro bucólico de uma grande metrópole.

Esta palestra tem um duplo objetivo: descrever o modo como as mudanças pelas quais vem passando a cidade do Rio de Janeiro são apreendidas pelos moradores do eclético bairro de Santa Teresa, e discutir as subjetividades que emergem a partir da judicialização de suas relações com o espaço urbano. Uma nova política de segurança pública; as ansiedades quanto a realização das Olimpíadas e da Copa do Mundo, bem como as intervenções do poder público relacionadas a estes eventos; a forte especulação imobiliária e os efeitos da mobilidade social na estratificação social do bairro, formam um conjunto de transformações, reais ou esperadas, diante do qual os moradores se posicionam tentando mediar seus impactos e ao mesmo tempo, ganhar voz nas dinâmicas de construção de uma imagem para o bairro (histórico, tradicional, boêmio, turístico, bucólico, residencial). Em meio a esse processo, conflitos relativos ao cotidiano local produzem, deslocam e desfazem contornos morais à “esfera pública”, e dão vazão à formas de apropriação subjetiva do bairro e à formas de sociabilidade que subvertem as classificações convencionais de público e privado, racional e afetivo. Um evento recente, a tentativa de criar um festival musical, nos moldes do “Fête de la Musique” de Paris, com palcos simultâneos e a expectativa de atrair 30 mil visitantes às ladeiras do Bairro, amplificou esses conflitos, levando-os à imprensa e ao judiciário, resultando numa decisão judicial suspendendo o evento. Nesse conflito se alternaram uma linguagem de “politização do cotidiano” visando proteger o bairro de sua inserção compulsória no mercado turístico internacional, e narrativas sobre a vida local que afirmam um “direito” exclusivo e pessoal dos moradores à “fruição” do bairro. A noção de “fruição” aqui empregada procura expressar as maneiras como a experiencia de viver no bairro é construída e manipulada por referência e oposição à noção de consumo.

Keywords: Subjetividades, turismo, consumo, judicialização

Author: Lima, Marcelo (IBMEC, Brazil / Brasilien)

Back

University of Vienna | Dr.-Karl-Lueger-Ring 1 | 1010 Vienna | T +43 1 4277 17575